terça-feira, abril 19, 2016

COMENTÁRIOS - (XXIV)

Rafinha disse...

Boa noite, caro conterrâneo.
Partilho da sua indignação ao ver estas fotos e ao passar pela rua d'Ega, morada dessa belíssima casa, a casa onde nasci e cresci. Deixe-me apenas esclarecê-lo nalguns pontos. 
A casa foi reconstruída pelos actuais proprietários, meus familiares, não pela Câmara Municipal. A fachada exterior, essa sim, foi recuperada pela Câmara, a quem se pode "agradecer" o sentido estético dos fios que ficaram pendurados, facto que o desagrada tanto a si, como a mim, como aos proprietários da bela casa. 

Ao Rafinha, este albicastrense agradece o esclarecimento sobre quem recuperou a bonita casa.
Ao mesmo tempo, posso informar os leitores do poste em causa, que o malfadado cabo que “alindava” a lápide, já foi desviado para outras bandas, tal como se pode ver nas imagens hoje captadas por mim no local. 
Tal como é costuma dizer-se: Ficar surdo e mudo perante certas bandalhices que passam existir nossa terra, é  ser convivente com essas mesmas bandalhices. 
                                      O Albicastrense

Sem comentários:

Enviar um comentário

DESCOBRINDO CASTELO BRANCO ANTIGO – (VI)

  Esta é uma imagem que irá deixar muita gente a coçar a cabeça e a interrogar-se, sobre o local onde este edifício tinha poiso na terra...