quinta-feira, junho 18, 2009

A VELHA MURALHA


"A Velha Senhora"
Na continuação do que vem acontecendo nos últimos tempos, a nossa autarquia avançou com a recuperação de mais alguns pedaços da nossa velha muralha.
Desta vez o restauro da “Velha Senhora” deu-se no início da rua do Muro, perto de um velho solar conhecido ainda hoje por muitos dos moradores do castelo como a “Casa dos Chinas”.
Esta velha casa pertenceu em tempos a uma tia avô minha, que por morte a deixou à Santa Casa da Misericórdia da nossa cidade, que depois a deixou chegar à triste situação em que hoje se encontra. Mas deixemos estes pormenores e passemos ao que interessa, este pedaço de muralha começa nos dias de hoje, num pequeno miradouro que estava há mais de meio século ao mais completo dos abandonos. É pois de toda a justiça, realçar mais este pequeno passo, numa pobre área onde a pasmaceira teve raízes, que pouco a pouco foram triturando parte do nosso passado histórico.
A sua recuperação só pode ser felicitada por todos os albicastrenses, independentemente de estarmos ou não com algumas das obras feitas na nossa cidade.
Aos responsáveis por mais este pequeno episódio só posso dizer… Bem-haja por mais este restauro e dizer-lhes que a “Velha Senhora” tem ainda muitos e muitos mais metros para restaurar.
O Albicastrense

9 comentários:

  1. Andei a fazer uma pesquisa pelas posições originais das muralhas em CB, e isso levou-me a passear desde o Espírito Santo até ao miradouro.

    Vi esse pedaço de obra, que estava bem mais atrasado. Esta parte da muralha está na parte detrás do Jardim do Paço, e segue até ao castelo, até ao que seria a torre hexagonal de menagem, com uma pequena interrupção onde era uma das portas do castelo, onde agora está uma rua que desce até ao Museu.

    Acho que estes devem ser os 160 metros de muralha que o presidente da câmara falava que ia restaurar e por a descoberto.

    Esperemos que ele perceba que há muitos mais simples de descobrir. :)

    No GoogleMaps é possível ver ainda bastantes muralhas, que aparecem bem claras, em linhas rectas bem pronunciadas. ;)

    ResponderEliminar
  2. Caro KennY.

    Também eu espero que a recuperação da velha muralha não se fique por mais alguns metros.
    Tive hoje a informação a rua Vaz Preto vai ter mais alguns metros de muralha á vista.
    Câmara terá comprado uma velha casa nessa rua, para deitar abaixo (tal como aqui informei).
    Vamos ver como as coisas vão decorrer.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  3. Anónimo16:02

    boas noticias senhor Verissimo
    lembra~se do protesto sobre a casa frente ao "valente maluco"
    com telhado quase a cair
    finalmente obras de restauro
    só por acaso não caiu telha
    acabou bem
    robin dos bosques

    ResponderEliminar
  4. As coisas vão correr até às eleições... depois, daqui a 4 anos há mais...

    Infelizmente este país devia ter eleições de 6 em 6 meses, pois só assim as obras eram levadas a cabo para apresentar obra feita!

    AD

    ResponderEliminar
  5. Caro Robin dos Bosques.

    Tem razão, passei pelo local e tive a oportunidade de repara nos andaimes ali expostos.
    Vale sempre a pena falarmos do que está mal e aplaudirmos o que de bem se faz na nossa cidade.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  6. Anónimo15:49

    As muralhas nao estão a ser bem restauradas. Há muitos falsoso e destruiram coisas importantes. Por exemplo em S. Maria, nos correios lixaram a barbacã e não procederam a acompanhamentos arqueológicos.
    RESTAURAR UMA MURALHA É MAIS DO ISTO.ISTO É UMA TRETA DE RESTAURO COM DESTRUIÇÕES E FASETES RIDICULOS.. FOI UM NEGÓCIO QUE JÁ VINHA DE TRANCOSO.

    ResponderEliminar
  7. "RESTAURAR UMA MURALHA É MAIS DO ISTO.ISTO É UMA TRETA DE RESTAURO COM DESTRUIÇÕES E FASETES RIDICULOS.. FOI UM NEGÓCIO QUE JÁ VINHA DE TRANCOSO."

    Ou de Castelo Novo, onde a limpeza da muralha do castelo foi feita a martelo e escopro destruíndo todas as marcas de canteiro que lá existiam. Por acaso já estavam registadas, mas isso não abona em favor da destruição levada em meados de 2006.

    AD

    ResponderEliminar
  8. Anónimo22:49

    É verdade ISTO É UMA AUTENTICA MÁFIA QUE ESTA A DESTRUIR O PATRIMÓNIO NAS BARBAS DE TODOS. EM CASTELO BRANCO TEM O APOIO DO IGESPAR E DO PR. MORÃO DO BETÃO.

    ResponderEliminar
  9. Anónimo10:06

    O MORÂO É A DESILUSÃO SÓ APOIA O BETÂO E A CONSTRUÇÂO. É O DESENVOLVIMENTO ESTILO ROTUNDA

    ResponderEliminar

AO PRESIDENTE DA AUTARQUIA ALBICASTRENSE - (II)

Hoje ao passear pela rua Mousinho Magro, dei comigo a olhar para os dois portados que se podem ver na imagem aqui postada e a perguntar ...