terça-feira, junho 30, 2015

EURICO SALES VIANA

No seguimento dos postes sobre o velho prédio "Ferrinho de Engomar", não podia deixar de publicar aqui, um poste sobre Eurico de Sales Viana.
Eurico de Salles Viana nasceu em Coimbra no dia 31 de Janeiro de 1891, e fez em Coimbra toda a sua escolaridade. Terá chegado a Castelo Branco por volta de 1912, cidade onde passou praticamente toda a sua vida. Foi professor do liceu e da Escola Normal, tendo desempenhado os cargos de Chefe da Repartição de Obras da Câmara Municipal e director Delegado dos Serviços Municipalizados, sendo de destacar a acção preponderante por ele desenvolvida nas obras de abastecimento de água à cidade.
Para além disse era dotado de rara sensibilidade Artística, dedicou-se especialmente ao estudo do folclore, etnografia e arqueologia da Beira Baixa, tendo colaborado em vários jornais e noutras publicações sobre temas dessa especialidade.
Mas a herança maior, que nos coube em sorte acolher e preservar, consiste indubitavelmente num vasto acervo arquitectónico espalhado pela cidade de Castelo Branco. Ao olharmos nos dias de hoje, para o património deixado por “Sales Viana”, mesmo que essa observação seja apenas um virar de cara, podemos contemplar peças de arte em áreas tão diferenciadas como: a arte pública, arquitectura civil e religiosa, urbanismo e jardinagem.
Como autoridade reconhecida na matéria, colaborou na Exposição Colonial do Porto, no Congresso Beirão e no Concurso da Aldeia mais Portuguesa cujo título recaiu em Monsanto da Beira. 
Organizou cortejos etnográficos apresentados concretamente em Castelo Branco, em Lisboa e em Évora. Dedicou-se ainda ao estudo dos bordados de Castelo Branco tendo promovido exposições dos mesmos nesta cidade e em Lisboa.
Como jornalista fundou e dirigiu largos anos o jornal “Era Nova”. Promoveu e impulsionou a realização de alguns cortejos de oferendas a favor da Santa Casa da Misericórdia de Castelo Branco. Faleceu em Lisboa no dia 10 de Fevereiro de 1973.
------------------------------------------------------------------------
Leonel Azevedo publicou em 2011 um livro sobre Sales Viana, livro que nos conta muito do seu percurso na terra albicastrense e que tem por titulo: “BREVE HISTÓRIA DE UMA LONGA VIDA – (Catalogo Incompleto das Actividades de, Eurico de Sales Viana), obra que ainda não comprei, (a reforma não chega para tudo), mas que já consultei na nossa biblioteca.
Embora já conhecesse alguma coisa sobre Sales Viana, confesso que fiquei impressionado com o seu percurso na terra albicastrense e, com mais este grande trabalho, de Leonel Azevedo.
PALAVRAS DE LEONEL AZEVEDO             
O ALBICASTRENSE

Sem comentários:

Enviar um comentário

DESCOBRINDO CASTELO BRANCO ANTIGO – (VI)

  Esta é uma imagem que irá deixar muita gente a coçar a cabeça e a interrogar-se, sobre o local onde este edifício tinha poiso na terra...