sexta-feira, fevereiro 02, 2018

A MINHA INDIGNAÇÃO

  A MINHA PENSÃO DE REFORMA 
Quando no final do ano de 2017, ouvi o Primeiro-ministro afirmar que os aumentos para reformados e aposentados iria ser equivalente à inflação de 2017 (cerca de 1,6), os meus velhos neurónios cogitaram de imediato: “Veríssimo vais finalmente ver a tua reforma aumentada (a mesma não é aumentada à vários anos)”.
Fiz contas e constatei que o aumento seria aproximadamente de 14 euros. Mais uma vez os meus velhos neurónio matutaram: “É melhor que nada”.
No dia 19 de Janeiro ao receber a minha pensão, verifico que afinal o aumento tinha resultado numa diminuição do que recebia até então, ou seja, com os 14 euros de aumento passei a descontar para IRS 5,5% mensalmente, em vez dos 3% que descontava.
Trocando por miúdos. Recebi 14,58 de aumento e passei a pagar de IRS todos os meses, 45 euros em vez dos 24 que descontava, ou seja, tive uma reforma aumentada em 14 euros, e abaixada em 24, em virtude do aumento do IRS.
Perante tal descaramento, este albicastrense só pode dizer ao Senhor Primeiro-ministro e ministro Mário Centeno, que este aumento se transformou num embuste vergonhoso e improprio, de um governo que muito sinceramente não esperava. 
E por aqui me fico, pois não pretendo descambar e começar a chamar nomes aos autores da redução da minha pensão de  aposentação.
O Albicastrense

2 comentários:

  1. Anónimo16:41

    Também sou reformado. E fui aumentado, embora tendo recebido menos. Não estará a fazer confusão com o facto de receber menos(tal como todos) pelo motivo de metade do subsídio de natal, em 2017, ter sido pago em duodécimos? Este ano, o subsídio de natal será pago na totalidade em Dezembro, como aliás sempre foi antes das "troikas".No final do ano verá que foi aumentado.
    Não recebeu carta do CNPensões com os valores do ano de 2017 e da pensão para 2018?...
    Saudações cordiais.

    ResponderEliminar
  2. Caro anónimo. Bem haja pelo seu comentário. Infelizmente não estou a fazer qualquer confusão. Eu sei que os duodécimos terminaram e que o subsidio vai ser pago na totalidade em Novembro. Abraço

    ResponderEliminar

Meeeee, diz a ovelha da esquerda para a outra. Meeeee, responde a outra. Meeeee, replica a primeira. Meeeee, volta a respon...