terça-feira, dezembro 12, 2006

MITOS URBANOS - ?

LENDAS E FANTASIAS

Num dos comentários feitos a propósito das estátuas do Jardim do Paço, desafiou-me o “Castraleuca” para neste blog apresentar um tópico sobre os túneis que eventualmente poderiam ter existido entre o Jardim do Paço e outros pontos da cidade. Como gosto de desafios, resolvi aceitar o repto e aqui está a resposta.
Amigo Castraleuca, lamento dizer-lhe que tudo aquilo que ouviu em relação a este assunto não passa, como diria o meu bom amigo Batista, de “mitos urbanos” e quero desde já dizer-lhe o seguinte:
Se em relação às estátuas se podem colocar dúvidas quando á veracidade dos factos noticiados, em relação aos possíveis túneis, penso tratar-se de pura fantasia. Também eu em criança ouvi contar essa história dos túneis, que vinham do Castelo para o Jardim do Paço, cuja entrada ou saída se encontrava por baixo de um dos tanques do referido jardim, e um segundo que partiria do Castelo e iria terminar perto da escola Afonso de Paiva.
Gostaria de aqui contar uma pequena história sobre os hipotéticos túneis: Na década de sessenta, (tinha eu dezasseis ou dezassete anos), contava-se na cidade que teriam morrido, (á alguns anos, não se sabendo quantos), no túnel, que dava do Castelo ao Jardim do Paço três estudantes, os três teriam feito uma promessa que se passassem de ano iriam explorar o referido túnel. Segundo a mesma história, contava-se que teriam atado uma corda a cintura de cada um deles, e que a mesma se teria partido, dando origem a que ficassem perdidos no túnel durante muito tempo, sem ninguém saber onde eles estavam e a história continuava por ai adiante.
Um pouco influenciado por esses “boatos”, um dia agarrei numa lanterna e resolvi inspeccionar o túnel que diziam que vinha do castelo para o Jardim do Paço, a entrada situa-se conforme já disse anteriormente, por baixo do tanque de agua, (hoje encontra-se fechada a tijolo), avancei alguns metros dentro deste pequeno túnel e pude verificar que se tratava unicamente de um sistema de drenagem de aguas do próprio tangue.
Amigo castraleuca lá se foi a fantasia, agora mais a sério se realmente existissem esses túneis, com os esburacamentos que ultimamente se têm feito em Castelo Branco, os mesmos já teriam dado a “LUZ” se alguma vez tivessem existido é claro.

(PS.) Gostaria de aqui ressalvar o seguinte: Como não sou séptico bem gostaria de acreditar na existência desses túneis, o problema é que, a realidade é bem diferente da fantasia.

O Albicastrense

6 comentários:

  1. Castraleuca19:14

    Muito obrigado Sr Verissimo.

    ResponderEliminar
  2. Luis S.21:25

    Só uma pequena ressalva, há uns bons anos atrás foram postos a descoberto,na zona da escola afonso de paiva,vários canais de aguas ferreas. Deve ser daí que vem a historia dos tuneis.

    ResponderEliminar
  3. Anónimo01:26

    caro amigo nao quero desmentilo mas voçe nao viu realmente a entrada do tunél a verdadeira entrada é quando voçe entra no parque do lado esquerdo das escadas ai voçe irá ver uma pota pequena coberta de plantas verdes e fexada a cadeado . pode conferir voçe mesmo indo ver se estou a mentir e pronto deixo este comentario porque eu sempre soube da entrada do tunél

    ResponderEliminar
  4. este comentário ja vem tarde, só hoje vi o post, ando a ler o blog desde o inicio para acompanhar os posts k perdi.

    Os meus pais mudaram-se para a zona do centro de saude em 1989 quando a cidade praticamante acabava ali e lembro-me que, enquanto rapazola, muito explorava, e com as obras dos novos prédios e tudo mais, havia por ali alguma coisa, se eram tuneis ou nao, nao me lembro, mas que haviam "caminhos" haviam.. e mais.. lembro-me tambem que poucos dias depois cimentaram grande parte e meteram uma especie de casota com 1 porta por cima de uma das "entradas". Essa casota ainda hoje la esta e é onde os jardineiros da camara municipal têm as ferramentas para os trabalhos ali da zona.
    Quanto ao jardim do paço, o meu avo sempre me contou essa historia do poço e dos rapazes que morreram, mas sempre tive tambem a inclinaçao para a tomar como fantasia. Lembro-me de ter entrado uma vez também no dito "tunel" enquanto miudo, com 1 amigo, por entre os arbustros e uma especie de arame, mas com o medo de criança nunca avançamos. Porem, anos mais tarde disseram-m que essa nao era a entrada, era sim uma porta vedada do outro lado do lago principal. se ela existe ou nao.. so deus sabe.

    Uma coisa é certa, e distinguido claro a realidade da fantasia, acredito que pelo menos 1 tunel tenha existido, embora acredite mesmo em 2. Porém, digo-lhe tambem que a historia original que ouvi falava em 7 tuneis/caminhos.

    Um abraço

    Tavares

    ResponderEliminar
  5. Os túneis pertencem ao sistema de drenagem. Há efectivamente os túneis de um aqueduto que se encontra a descoberto e podem ver no estacionamento do Largo de S.João. Túneis?!?!... ehehehe... há "mitos" que repetidos várias vezes, acabam por ser "verdade" (relembro a repetida "incorrecção" de chamarem Torre de Menagem ao Torreão do Palácio dos Alcaides... enfim, a única vez que "corrigi" alguém que falava dele, além de parvo, e de dizerem que não sabia do que falava, estava a ver que levava umas "palmadas".

    ResponderEliminar
  6. Anónimo20:02

    E relatimavemente aos tanques que existem por baixo das zona das Tílias, poucos conhecem, mas o que é certo é que eles existem e recentemente nas obras de remodelação da estrada, podia ver-se uma das entradas.
    Segundo me contou uma das pessoas das obras, cabe à vontade uma pessoa em pé, e são extensos, e cheios de agua.

    ResponderEliminar

DESCOBRINDO CASTELO BRANCO ANTIGO – (VI)

  Esta é uma imagem que irá deixar muita gente a coçar a cabeça e a interrogar-se, sobre o local onde este edifício tinha poiso na terra...