quinta-feira, outubro 03, 2013

AOS NOVOS ELEITOS

A TERRA ALBICASTRENSE 
E OS 
PRÓXIMOS QUATRO ANOS...
Numa altura em que uns saem e outro entram no “comando” da autarquia da terra albicastrense, este albicastrense quer desde logo, declarar o seguinte. Para quem sai, independentemente de algumas criticas aqui feitas a algumas das obras realizadas na terra albicastrense, o trabalho realizado ao longo dos últimos doze anos por aqueles que agora terminam o seu mandato, foi de boa qualidade.
Perante tal facto, só resta a este albicastrense desejar a quem agora sai, que o futuro lhes sorria e agradecer-lhes o bom trabalho realizado em prol da minha terra.
À equipa que agora entra, este albicastrense só pode mesmo solicitar que aquilo que não foi feito nas gestões anteriores, seja uma prioridade para os atuais autarcas.
Estão neste caso: a recuperação da zona histórica a um passo mais acelerado, (se assim não acontecer, daqui por 50 anos, a recuperação da zona histórica, estará ainda por concluir), a requalificação do Bairro do Valongo, pois os seus moradores são também eles albicastrenses, e como tal, não podem continuar a ser tratados como albicastrenses de segunda ou terceira classe, (requalificação prometida e nunca cumprida nas gestões anteriores).
Por fim, que a autarquia preste um maior apoio aos albicastrenses mais necessitados, pois é hoje bem claro, (infelizmente) que na terra albicastrense existe gente em grandes dificuldades. Caros eleitos, este não é um recado! É antes um apelo de quem olha ao seu redor e vê aquilo que alguns se recusam a ver, e tal como diz o povo, não ver aquilo que está à frente dos nossos olhos, é pior que ser cego.
Por isso, o desafio proposto é: Abram os olhos! Pensem! Apliquem-se! Escutem as pessoas! Existe uma imensa diferença entre uma piscada necessária e a cegueira desnecessária.

O Albicastrense

Sem comentários:

Enviar um comentário

UM HOSTEL NA NOSSA ZONA HISTÓRICA

 (A CASA DA D. OLÍVIA)  Muitas foram já as vezes que aqui depositei tristezas sobre a nossa zona histórica, e muitas mais irão suced...