segunda-feira, outubro 14, 2013

CENTRO DE CULTURA CONTEMPORÂNEA


Estive na inauguração do Centro de Cultura Contemporânea da terra albicastrense, confesso que fiquei bastante impressionado com a obra do arquitecto catalão, Josep Lluís Mateo e com a exposição de abertura do centro de cultura.


É costume dizer-se, que só os burros e os tolos não mudam de opinião.

Como não me considero nem burro nem tolo, aqui estou não a dar o dito por não dito, mas antes a afirmar, que independentemente do local não ser o mais adequado, nem o modelo arquitectónico o mais desejado para o local onde foi construído, os responsáveis da autarquia albicastrense estão de parabéns pela construção do Centro de Cultura Contemporânea.


Contudo, seria injusto não mencionar o mentor desta construção, ao presidente que agora sai só posso mesmo dar os parabéns, e dizer-lhe que a terra albicastrense está hoje culturalmente muito mais rica, graças ao bom trabalho realizado pela equipa que comandou ao longo dos últimos dezasseis anos.


Terminava lembrando que a polémica da construção desde centro, é hoje um facto do passado. A partir de agora, interessa tornar esta infraestrutura uma mais valia para a cultura da terra albicastrense.

O albicastrense

5 comentários:


  1. Afinal até ao último dia o idanhense não deixou mal vistas as suas origens!!!Ainda bem .estou desejosa por ver essa obra do meu parente e conterrâneo Quim Morâo .PARABÉNS QUIM , PARABÉNS CASTELO BRANCO , PARABÉNS BEIRA INTERIOR.
    Um abraço amigo albicastrense

    ResponderEliminar
  2. Anónimo13:44

    Pois, mas o povinho daqui, é um burro a olhar para um comboio. O comboio passa e o burro olha, e olha, e depois passa outro comboio, e o povinho continua a olhar. Em castelo branco vai continuar tuti di mema forma. Paasa (...) e o burro olha, pasa (...) o burro olha, pois,pois...

    ResponderEliminar
  3. Caro anónimo.
    Penso que são burros amais! Contudo, confesso que gostei do seu comentário.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo17:11

    Infelizmente, é por causa de opiniões dessas, senhor Anónimo, ke a humanidade é como é, a sociedade é como é e as pessoas são como o senhor é lol, se nao temos nada é porke n temos nada, se temos alguma coisa é porke tá mal feita ou é feia ou...enfim...abram os horizontes pois os burros são vocês...

    ResponderEliminar
  5. È por causa de opiniões como a sua, "Anónimo", ke a humanidade esta como está, a sociedade está como está e vivemos neste mundo...Se n temos, "ai ai ai, n temos nada, somos uns tristes...se temos critica-mos na mesma...", enfim, pra mim, ta espetacular, ainda bem ke esta obra foi feita pois valorizo muito a cultura...seu burro lol

    ResponderEliminar

AO PRESIDENTE DA AUTARQUIA ALBICASTRENSE - (II)

Hoje ao passear pela rua Mousinho Magro, dei comigo a olhar para os dois portados que se podem ver na imagem aqui postada e a perguntar ...