terça-feira, junho 12, 2007

PRAÇA CAMÕES


(A Casa Abandonada)
O edifício que podemos ver nesta fotografia encontra-se situado na Praça Camões (Antiga Praça Velha) e faz paredes-meias com o Arco do Bispo, e é propriedade de um particular.
O edifício encontra-se abandonado à algum tempo, e a sua deterioração é de tal ordem que algumas das portas tiveram que ser seladas com tijolos para evitar possíveis acidentes, ou a entrada de pessoas indesejáveis.
Sendo eu um leigo no que diz respeito aos deveres e direitos de um senhorio sobre o seu património, interrogo-me muitas vezes sobre este tipo de situações, e do papel que a nossa autarquia deveria ter nestes casos.
Encontrando-se este edifício na zona histórica da cidade, encostado a um dos edifícios mais bonitos da nossa cidade, (a Casa do Bispo), não terá a nossa autarquia a obrigação e o dever de fazer com que o seu proprietário o recupere?
Como disse anteriormente sou um herdo nesta matéria, porém como albicastrense que sou e sendo descendente da uma família que reside em castelo Branco á mais de 350 anos, sinto-me no direito e na obrigação de exigir aos nossos autarcas a resolução desta vergonhosa situação.
Senhores autarcas, a manutenção desta indigna situação é acima de tudo uma falta de respeito para com todos os albicastrenses e para com a sua cidade, a resolução deste triste caso é indispensável. Dizer-se á boca cheia que Castelo Branco é hoje uma cidade nova e depois consentir em situações de total degradação na nossa zona histórica é no mínimo de uma grande hipocrisia.
Senhores Autarcas das duas, uma:
Ou a câmara obriga o senhorio o recuperar o edifício, ou a Autarquia expropria-o e faz as obras necessárias, colocando de seguida o edifício ao serviço da comunidade, em parceria com a Casa do Bispo.
O Albicastrense

6 comentários:

  1. Bem dito, o problema é que não é só essa casa, a Avenida Nuno Álvares tem lá muitas casas quase ou mesmo ao abandono, casas essas de pessoas "bem conhecidas" de Castelo Branco.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo15:01

    A placa do Pólis está catita

    ResponderEliminar
  3. Anónimo17:22

    Se a casa ameaça ruir, deitem-na abaixo e construam um prédio de habitação, para repovoar o Largo. Casas velhas! Deitem-nas abaixo. Preservar casas velhas para quê?

    ResponderEliminar
  4. Anónimo22:27

    Porque não deitam essas casas velhas abaixo e alargam a Praça Velha? Sempre dava pra estacionar mais uns carros. E nessa zona mais estacionamento era bem vindo

    ResponderEliminar
  5. Caros anónimos,
    Deitar abaixo um edifício na Praça Camões pra construir um prédio para habitação, ou alargar a praça de maneira a arranjar mais espaço para estacionar mais carros?
    Deixem -me que vos diga que nem o diabo se lembraria de tais propostas para a zona histórica da nossa cidade.
    Castelo Branco tem mais de seiscentos anos de história e vocês propõem a sua destruição em dois actos?
    Um povo sem história é como um limão sem sumo, não serve pura e simplesmente para nada.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo19:32

    Ve-se mesmo que não percebem nada,era mesmo lindo fazerem ali um prédio novo,parece uma anedota.

    ResponderEliminar

A RUA DA MINHA ESCOLA – (VII)

        (ESCOLA DA SENHORA DA PIEDADE)                          O que sabemos nós da rua da nossa escola primária? João Evangelista...