quarta-feira, janeiro 26, 2011

BARATA MOURA


CEM ANOS DE VIDA DO PINTOR BARATA MOURA
Barata Moura completou no dia 9 de Janeiro de 2011 cem anos de vida. Este albicastrense que tem a honra de o conhecer, não pode deixar de aqui assinalar este facto, e pedir a todos os santos anjinhos, que o mantenham por muitos e muitos anos, perto de todos nós.
Tal como já aqui disse várias vezes, conheci Barata Moura nos anos 80, quando da sua primeira exposição no museu Francisco Tavares Proença Júnior. Neste momento tão especial, recordava aqui uma das frases que mais o ouvi pronunciar.

Não sigo modas
As modas passam
Pinto como sinto
Não procuro fantasias
Sou como sou
Aprecio todas as correntes artísticas sem as tentar imitar
Uma arte uniforme faz desaparecer a verdadeira arte
Admiro todos os artistas que sejam sinceros, trabalhadores e com personalidade
É costume dizer-se, que as palavras valem o que valem, no entanto, as palavras que este homem disse várias vezes à minha frente, assentam-lhe que nem uma luva. Para o mestre Barata Moura (que nunca irá ler este poste), um grande abraço deste que muito o admira e estima.
O Albicastrense

Sem comentários:

Enviar um comentário

DESCOBRINDO CASTELO BRANCO ANTIGO – (VI)

  Esta é uma imagem que irá deixar muita gente a coçar a cabeça e a interrogar-se, sobre o local onde este edifício tinha poiso na terra...