quinta-feira, julho 06, 2017

NOTÍCIAS DE OUTROS TEMPOS - (IV)

A história de muitos dos antigos estabelecimentos da terra albicastrense, já foi narrada numa fantástica publicação da associação comercial e Industrial de Castelo Branco.
O livro da autoria de Leonel  Azevedo, é uma obra que documenta a história comercial e industrial da terra albicastrense, entre 1911 e 1940.
Hoje recordo aqui, “A Popular”. Loja que terá sido inaugurada em 1912, conforme de pode ler na notícia publicada no jornal “A Pátria Nova”.
Este estabelecimento tal como diz a notícia, poderá ter sido o antecessor dos atuais centros comerciais, pois como podemos ver na imagem, ali vendia-se um pouco de tudo. 
Resta acrescentar que este Joaquim Martins Bispo Júnior, era filho  dum irmão do pai do meu avô, portanto, meu tio avô. Chegou a ser presidente da autarquia albicastrense.
JORNAL  "A  PÁTRIA  NOVA"
SEMANÁRIO REPUBLICANO
(Sai às quintas - feiras)
Castelo Branco 30 de Maio de 1912.      
              Oficina de  composição  e impressão:                
TYPO - GRAPHIA SILVA, de Cristiano Silva Júnior,
 19, Praça de Republica, 21–Castelo Branco

“A POPULAR”
O nome de Joaquim Martins Bispo Júnior, acaba de registar o nome do seu estabelecimento, que se domina "A Popular".
Também registou a sua firma comercial que passa a ser Joaquim Martins Bispo. O estabelecimento d’este nosso amigo é digno de ser visitado pelo publico, pois ali encontrará  tudo n’uma boa disposição, com géneros e produtos de primeira ordem.
É um belo estabelecimento de dois andares, o primeiro do género que aparece na nossa cidade. O nosso amigo Bispo, que é um homem de largas vistas e de magnificas iniciativas, não se intimidou perante aquele velho aphorismo de  Castelo Branco – “não se faz nada”.
Merece o nosso amigo Bispo o melhor aplauso por ter dotado a cidade com tão importante melhoramento. Muito desejamos vê-lo prosperar, para que possa dentro em pouco montar todas as secções comerciais que, segundo o seu projeto, serão em número de quinze.
PS.O poste está escrito tal como foi publicado em 1912
O Albicastrense

1 comentário:

  1. Fui informado por um albicastrense que eu estaria enganado quanto ao grau de parentesco deste meu antigo familiar.
    Segundo esse albicastrense, ele seria meu primo em 6º grau e não meu tio-avô.
    O esclarecimento aqui fica, assim como o meu bem-haja pela informação.

    ResponderEliminar

DESCOBRINDO CASTELO BRANCO ANTIGO – (X)

Esta é uma imagem que não vai ser nada fácil de identificar. A imagem terá sido apanhada nos anos 40 do passado século, ( se estiver er...